Café é o principal produto exportado pelo agronegócio em Minas Gerais
Previsão do Tempo
close
Previsão do Tempo
Café é o principal produto exportado pelo agronegócio em Minas Gerais

Café é o principal produto exportado pelo agronegócio em Minas Gerais

Segundo a Seapa, em 2021, o café representou 42,4% do total exportado pelo setor

< 1 minuto de leitura

O café continua sendo o principal produto exportado pelo agronegócio em Minas Gerais. De acordo com a Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), em 2021, a commodity representou 42,4% do total exportado pelo setor. A receita foi de US$ 4,4 bi.

Conforme divulgação do portal Uai Agro, a Seapa destacou que 2021 foi ano de desdobramento da bienalidade negativa. O volume embarcado para o exterior caiu 3%, totalizando, assim, 27,5 milhões de sacas. Apesar disso, com a valorização do dólar, houve aumento de 16,1% no total da receita que chegou a US$ 4,4 bi.

Além disso, os Estados Unidos ultrapassaram a Alemanha e, em 2021, lideraram o ranking de países importadores do café de Minas Gerais.

Dessa forma, os EUA importaram US$ 865 mi em sacas. Em seguida aparecem Alemanha (US$ 847 mil), Bélgica (US$ 450 mi), Itália (US$ 391 mi) e Japão (US$ 340 mi).

Outros produtos

Na lista de produtos exportados pelo agronegócio em Minas Gerais, logo após o café aparece o complexo soja (grão, farelo, óleo) que respondeu por 22,8% das exportações mineiras em 2021. A receita do segmento bateu recorde e alcançou US$ 2,4 bi, com crescimento de 33,3%. O volume embarcado subiu 3,8%, sendo 5,1 milhões de toneladas.

Em seguida aparecem as carnes. As vendas para o exterior chegaram a 351 mil toneladas e a receita cresceu 14,4%, totalizando US$ 1,2 bi. O aumento foi impulsionado pela expansão das importações pela China, responsável por US$ 575 mi e 131 mil toneladas. As carnes respondem por 11,2% das exportações do agronegócio mineiro.