Cooxupé atua no cooperativismo regional há quase 90 anos
Previsão do Tempo
close
Previsão do Tempo
Cooxupé atua no cooperativismo regional há quase 90 anos

Cooxupé atua no cooperativismo regional há quase 90 anos

Cooperativa celebra o mês do cooperativismo com uma trajetória marcada por conquistas e crescimento no negócio café

2 minutos de leitura

O mês de julho marca o cooperativismo, com a comemoração da data internacionalmente no dia 03. As cooperativas, entre elas a Cooxupé, exercem importante papel social, econômico e ambiental transformando as comunidades e regiões onde estão inseridas.

A representatividade mundial deste movimento é tão relevante que, segundo a OCB – Organização das Cooperativas Brasileiras , se as 300 maiores cooperativas do mundo representassem um país ocupariam a 9ª economia mundial. Globalmente falando, o cooperativismo está presente em 100 países, com a participação de 1 bilhão de pessoas, gerando 250 milhões de empregos.

Cooxupé e cooperativismo

Neste cenário, a Cooperativa Regional de Cafeicultores em Guaxupé celebra seus quase 90 anos de cooperativismo regional, dos  quais  mais de 60 são voltados ao negócio café, impactando mais de 200 municípios com a produção de mais de 16 mil famílias cafeicultoras cooperadas que produzem café verde tipo arábica no Sul de Minas Gerais, Cerrado mineiro e no Vale do Rio Pardo, conhecido como a média mogiana do estado de São Paulo.

Mais de 95% de seus produtores associados correspondem à agricultura familiar e são representados pela cooperativa diante do mercado mundial de café, com exportação para mais de 50 países. Tanto que em 2020, a Cooxupé embarcou para os mercados interno e externo 5.9 milhões de sacas; registrou a marca histórica no recebimento de café de 8,1 milhões de sacas, das quais 6,6 milhões foram entregues diretamente pelos cooperados.

exportacao cooxupe
Cooxupé exporta café arábica para 50 países em cinco continentes

“O espírito cooperativista é como uma família, em que os associados encontram mais oportunidades, competitividade, sustentabilidade e rentabilidade no mercado. Isso nos enche de orgulho por confirmar que o movimento segue crescendo ano após ano, apesar das situações adversas enfrentadas em nosso País e no mundo”, declara o presidente da Cooxupé, Carlos Augusto Rodrigues de Melo.

Representatividade

Ao considerar o ano de 2020, quando o recebimento de café da cooperativa foi de 8,1 milhões de sacas, de acordo com a CONAB, o volume recebido pela Cooxupé representou 17% da produção nacional de café arábica e 24% da produção deste tipo de café do estado de Minas Gerais.

Avanços

Fundada em 1932 como cooperativa agrícola de crédito e transformada na Cooperativa Regional de Cafeicultores em Guaxupé no ano de 1957, quando iniciou as atividades de recebimento, processamento e comercialização de café, a Cooxupé faz parte da história da cafeicultura brasileira e avança a passos largos, fazendo com que o seu café verde vá muito além da fronteira nacional. A sede da cooperativa está instalada no município mineiro em Guaxupé, onde também está situado o Complexo Industrial Japy.

Hoje é referência na cafeicultura brasileira e reconhecida mundialmente como uma empresa de credibilidade na comercialização de café de qualidade tipo arábica.

fachada cooxupe
Matriz da Cooxupé está sediada em Guaxupé, Sul de Minas Gerais