Ferramenta ajuda produtor a aderir ao Programa de Regularização Ambiental
Previsão do Tempo
close
Previsão do Tempo
Ferramenta ajuda produtor a aderir ao Programa de Regularização Ambiental

Ferramenta ajuda produtor a aderir ao Programa de Regularização Ambiental

O Serviço Florestal Brasileiro (SFB) vai disponibilizar, em novembro, o Módulo de Regularização Ambiental (MRA) para produtores aderirem ao PRA; anúncio foi feito pela Ministra do Meio Ambiente

< 1 minuto de leitura

O Serviço Florestal Brasileiro (SFB) vai liberar, em novembro, o Módulo de Regularização Ambiental (MRA). Dessa forma, o sistema será integrado à plataforma WebAmbiente, da Embrapa. Assim, o MRA possibilitará, ao produtor rural com o Cadastro Ambiental Rural (CAR) analisado, a elaboração de uma proposta de adesão ao Programa de Regularização Ambiental (PRA). 

Programa de Regularização Ambiental

A ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Tereza Cristina, deu a notícia nessa segunda-feira, 18.

O anúncio foi feito no 8º Encontro Nacional do Cadastro Ambiental Rural 2021. O evento reúne gestores do CAR para discutir os desafios para avançar na agenda de regularização ambiental de forma cooperada.

Em primeiro lugar, a ministra disse que o alinhamento com os estados é essencial para implementar o Código Florestal no Brasil de forma eficiente.

“Com isso, teremos transparência, regularidade. Bem como garantiremos a produção agropecuária aliada à conservação ambiental, fortalecendo a característica única da agropecuária do Brasil de produzir e conservar”.

Gargalos

Em seguida, ela colocou o Mapa e o Serviço Florestal à disposição dos estados para resolver gargalos. Bem como ajudar na implantação do CAR em todo o país.

Além de representantes das 27 unidades da federação, participam, de forma presencial e virtual, representantes de Superintendências do Mapa, do Banco Mundial, do BNDES, da Embrapa e CNA. Além disso, havia membros do Ministério da Economia, da Cooperação técnica e financeira da Alemanha, da Associação Brasileira de Entidades Estaduais de Meio Ambiente (Abema) e do Conselho Nacional dos Secretários de Estado de Agricultura (Conseagri).

O Encontro vai até o dia 22 de outubro.