Índia pressiona preço de fertilizantes ao aumentar subsídio
Previsão do Tempo
close
Previsão do Tempo
Índia pressiona preço de fertilizantes ao aumentar subsídio

Índia pressiona preço de fertilizantes ao aumentar subsídio

Como resultado, o adubo disparou mais de 200% no mercado internacional

< 1 minuto de leitura

Ao aumentar subsídios, a Índia pressiona preço de fertilizantes no mercado. Uma reportagem da agência Reuters, publicada pelo Portal AgroLink mostra que, para evitar a escassez do produto, o país vai aumentar os subsídios em mais de US$ 20,64 bilhões na temporada 2021/22.

Assim, segundo o texto, o movimento pressiona ainda mais o preço da ureia no mercado. Isto porque a Índia é o principal importador do adubo, bem como do fosfato de diamônio (DAP).

“Trata-se de um valor recorde, que praticamente dobra os subsídios a fertilizantes no orçamento deste ano fiscal, que termina em 31 de março” diz a agência Reuters.

Índia pressiona preço de fertilizantes

Dessa forma, os preços dos fertilizantes dispararam mais de 200% no mercado internacional. Como resultado, repassando aumentos recordes no preço das duas principais fontes de energia: carvão e gás natural.

Além disso, novas restrições à produção por parte da China e de exportação na Rússia criaram uma “tempestade perfeita” para o setor.