OIC tem novo regulamento para emissão de certificados de origem
Previsão do Tempo
close
Previsão do Tempo
OIC tem novo regulamento para emissão de certificados de origem

OIC tem novo regulamento para emissão de certificados de origem

Cecafé apresentou novo regulamento para emissão de certificados de origem a exportadores e agências certificadoras em reunião virtual

2 minutos de leitura

A Organização Internacional do Café (OIC) tem novo regulamento para emissão de certificados de origem.

Portanto, o Conselho dos Exportadores de Café do Brasil (Cecafé) fez uma apresentação sobre o novo procedimento.

Do mesmo modo, o evento virtual abordou a proposta do novo sistema para integrar a emissão do documento no Portal Único do Governo Federal.

Participaram do encontro mais de 70 exportadores, despachantes aduaneiros e agências certificadoras.

Emissão de certificados de origem

O diretor técnico do Cecafé, Eduardo Heron, conduziu a reunião. Ele fez uma apresentação e respondeu a perguntas sobre o regulamento.

Além de falar sobre as vantagens do sistema, assim como informar a data que a regulamentação passa a valer.

“O sistema será liberado a partir de 26 de setembro. Haverá avaliação e testes com agências, exportadores e despachantes”, contou.

Heron também destacou que o objetivo é tornar o processo mais moderno. Assim como, “dar agilidade e reduzir custos e burocracias nos embarques de café.”

Tudo isso será possível porque o sistema será digital.

Exemplo

O diretor recordou, também, que o Brasil sempre foi um exemplo no processo de emissão de certificado.

“Isso porque, todas as agências certificadoras se esforçaram para aplicar a regulação. Essa conduta foi, é e continuará sendo um dos pilares para o sucesso da nova plataforma.”

Contexto

As agências certificadoras nacionais são credenciadas pelo Governo Federal. Elas podem implementar e cumprir as orientações contidas no regulamento da OIC. Isso acontece porque o Brasil assinou o Acordo Internacional do Café (AIC).

Dessa forma, continuam com a responsabilidade de gerir a informação preenchida. Bem como certificar que os documentos que comprovam o embarque foram anexados de forma correta.

Exportações

Segundo o relatório do Cecafé, a queda nas exportações de café brasileiro foi de 12,8% em julho deste ano. Isso na comparação com o mesmo mês de 2020.

Assim, no primeiro mês do ano safra 2021/22, um total 2,826 milhões de sacas de 60 kg foi embarcado.