Produtores mineiros são maioria em livro com casos de sucesso do Senar
Previsão do Tempo
close
Previsão do Tempo
Produtores mineiros são maioria em livro com casos de sucesso do Senar

Produtores mineiros são maioria em livro com casos de sucesso do Senar

Publicação do Senar traz sete casos de sucesso de produtores mineiros; entre eles, quatro são produtores de café do estado.

2 minutos de leitura

Os produtores mineiros são maioria em livro com casos de sucesso do Senar. A publicação traz sete exemplos de produtores do estado, sendo quatro deles de café.

Conforme o livro “ATeG – Cinco etapas da transformação rural”, lançado em junho deste ano, são 33 casos de sucesso. Destes, sete são de produtores do Estado de Minas Gerais.

Os produtores atendidos pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) são da fruticultura, cafeicultura e pecuária de leite.

Assim, o objetivo da publicação, segundo o presidente do Sistema CNA, João Martins, é mostrar a importância da assistência técnica.

“É uma pequena amostra de como a Assistência Técnica e Gerencial faz diferença na vida dos produtores. Bem como de seus familiares, do setor agro e da sociedade brasileira”, descreve no prefácio do livro.

Produtores mineiros no livro do Senar

Igualmente, cada produtor mineiro retratado no livro foi presenteado com um exemplar da publicação, entregue pelos gerentes regionais. Além disso, com uma carta do superintendente do Senar Minas, Christiano Nascif.

De acordo com ele, o livro traz o reconhecimento nacional ao desempenho do Sistema Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais (Faemg). Bem como aos resultados do Programa de Assistência Técnica e Gerencial (ATeG).

E isso se deve ao trabalho intenso e competente de todos os envolvidos.

“Além do reconhecido protagonismo, com mais de 50% das propriedades atendidas pelo ATeG na região sudeste do Brasil estando em Minas, proporcionamos a transformação dos produtores rurais”, disse Nascif.

De acordo com ele, é possível, assim, aumentar a renda dos produtores de forma sustentável. Além de melhorar a vida de cerca de 50.000 pessoas do meio rural em Minas.

“É o Sistema Faemg cumprindo sua missão: ‘há 70 anos apoiando os sonhos de quem produz’.”

Pesquisa

Não é só a publicação do Senar que reconhece o trabalho feito em Minas.

Em pesquisa de satisfação com 718 produtores de leite atendidos pelo ATeG Balde Cheio, 79% dos entrevistados disseram ter tido melhora na qualidade de vida.

Já 16% indicam que houve uma melhora parcial.

“Temos de agradecer a equipe essa chance de prestar um serviço que melhora a renda e a qualidade de vida. Assim, o produtor continua na atividade”, disse o gerente de Assistência Técnica e Gerencial do Sistema Faemg, Bruno Rocha de Melo.

Aprimoramento constante

Bruno Rocha de Melo disse que o Sistema Faemg prepara o primeiro curso de formação técnica e metodológica do Programa ATeG em Minas.

O treinamento será no campus de Florestal da Universidade Federal de Viçosa, de 13 a 18 de setembro.

“Ao todo, 45 profissionais serão treinados para atuar de maneira ainda mais consistente com o produtor rural”, diz.